I am John and this is my story…

EN

“Life is about moving on. I move on every day, not allowing my sorrows to get the best of me. My parents moved to Canada on 1945, I was born there but when my grandfather got sick my parents decided it was time to come back. My grandfather wanted to die at home, so we all came back. Twelve years after we came back he died with a heart attack, a great man he was. So, I was a teenager when I came back, it was difficult in the beginning to adapt to such small environment, but I found my way. I also started working at very young age at the local gas station and I was there for 15 years, so in no time I knew everybody, and everybody knew me. But what really became my passion was sailing, I love the sea, boats and the freedom I get from it. I am not married or have any kids and I am also an only child, so after my parent’s death it´s been difficult because I am on my own, I have nobody to get home to. So I move on every day, not allowing my sorrows to get the best of me.”

What about LOVE…

“Love is about understanding and accepting other people’s differences. It´s about respect, reliability and above all friendship.”

John – S.Jorge, Portugal – August 2018

PT

“A vida é sobre seguir em frente. Eu sigo em frente todos os dias, não deixando as tristezas tirar o melhor em mim. Os meus pais mudaram-se para o Canada em 1945, eu nasci lá. Mas quando o meu avô adoeceu, os meus pais decidiram que era altura de voltar. O meu avô queria morrer em casa, por isso voltamos todos. Doze anos depois de voltarmos o meu avô morreu com um ataque de coração, ele era uma grande homem. Quando voltamos eu era um adolescente e a adaptação no início a um ambiente tão pequeno foi difícil, mas eu lá consegui. Comecei a trabalhar muito novo na bomba de gasolina local e lá fique durante 15 anos o que fez com que rapidamente conhecesse toda a gente e toda a gente me conhecesse a mim. Mas o que eu verdadeiramente gosto é o mar e barcos. A liberdade que eu retiro desses gostos. Não sou casado nem tenho filhos e sou filho único. Portanto a morte dos meus pais dos meus pais foi e é difícil de lidar, tenho dificuldade em lidar com o facto de chegar a casa e não estar lá ninguém. Por isso eu sigo em frente todos os dias, não deixando a tristezas tirar tirar o melhor de mim.”

E o AMOR…

“Amor é compreensão e aceitação das diferenças das outras pessoas. É respeito, confiança e acima de tudo, amizade.”

John – S.Jorge, Portugal – Agosto 2018

Share this post with your friends

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Subscribe to my Newsletter so You Can Read More Uplifting Stories as They Come Out

GET 10% OFF YOUR FIRST ORDER
Scroll to Top
Cookie Notice

This page uses cookies to personalize and enhance your user experience. By clicking “ACCEPT” or closing this popup you consent to their use.