I am Teresa and this is my story…

EN

“Who am I to tell others how to love if I don´t have the answer? I wish I did, I have my own struggles. I want to be an actress and a teacher, I want to help others. The will to be an actress started with a volunteer project I did, where I had to set up a play. It was there and then that I knew that I wanted to impact people by allowing them to dream and expand their imagination. Helping others by inspiring new thoughts and new ways of living. In this volunteer campus I am doing at the moment with some orphans in Terceira Island, I have experienced some difficult situations…what I find in everyone of them is lack of love…I struggle to help them, I don´t know how you get over a neglection as big as parents neglection. I know what it is to feel lack of love but is it fair for me to compare myself to some of these girls that never had a family? I don´t know the answer. I see lack of love in so many places, so many different social status….I believe the world is lacking love, we all are. Everybody is too busy running a life which they never agreed to, it has been imposed by society and questioning it is too scary. I have so many doubts, so many questions…. How can I help these girls? I struggle to do my best. How can I help a 17-year-old girl that has a child that has been taken from her? Why did she got pregnant by the age of 15 years old? She was seeking love, she needed to be loved because she has never experienced any kind of love before. Who would I be if I never had love? I don´t know…
My goal isn’t to convert people into believing in God as I do, my goal is for these girls to question their existence, what are they doing and how to live without self-pity…Move on into the best versions of themselves, they need me to tell them how capable they are to be happy because they are spectacular, we all are.”

What about LOVE…

“Love is the will to surrender to another.”

Teresa – Terceira, Portugal – August 2018

PT

“Quem sou eu para dizer aos outros como amar, se eu não tenho a resposta? Gostava de ter mas eu tenho minhas próprias lutas. Eu quero ser atriz e professora, quero ajudar os outros. A vontade de ser atriz começou com um projeto de voluntariado que fiz, onde tive que montar uma peça. Foi lá e então que eu sabia que queria impactar as pessoas, permitindo-lhes sonhar e expandir sua imaginação. Ajudar os outros, inspirando novos pensamentos e novas maneiras de viver. Neste campus voluntário que estou a fazer neste momento com alguns órfãos na ilha Terceira, tenho vivenciado algumas situações difíceis… o que encontro em todos eles é a falta de amor… Luto por ajudá-los, não sei como se consegue ultrapassar uma negligência tão grande quanto a negligência dos pais. Sei o que é sentir falta de amor mas é justo eu me comparar com algumas destes meninos que nunca tiveram uma família? Não sei a resposta. Vejo falta de amor em tantos lugares, em tantos estratos sociais diferentes… Acredito que o mundo está carente de amor, todos nós estamos. Estamos todos demasiado ocupados com uma vida com a qual nunca concordamos, que nos foi imposta pela sociedade e questionar isso é muito assustador. Tenho tantas dúvidas, tantas perguntas… Como posso ajudar estes meninos? Esforço-me para fazer o meu melhor. Como posso ajudar uma menina de 17 anos que tem um filho que lhe foi retirado? Porque engravidou aos 15 anos? Estava procurando amor, precisava ser amada porque nunca experimentou nenhum tipo de amor antes. Quem seria eu se nunca tivesse amor? Não sei… O meu objetivo não é converter as pessoas a acreditar em Deus como eu, meu objetivo é que estas meninas questionem a sua existência, o que fazem e como viver sem auto-compaixão … Seguirem em frente, tornando-se nas melhores versões de si mesmas. Precisam que eu lhes diga  como são capazes de serem felizes porque são espetaculares, todos nós somos”.

E o AMOR…

” E o amor… O amor é a vontade de se render a outro.”

Teresa – Terceira, Portugal – Agosto 2018

Share this post with your friends

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Subscribe to my Newsletter so You Can Read More Uplifting Stories as They Come Out

Scroll to Top
Cookie Notice

This page uses cookies to personalize and enhance your user experience. By clicking “ACCEPT” or closing this popup you consent to their use.